Categorias

Mulheres > Mensagem do Conselheiro > Partilhar ou compartilhar a salvação?


Partilhar ou compartilhar a salvação?
6 download(s) Faça Download

Partilhar ou compartilhar a salvação?


Queridas irmãs em Cristo!

As duas palavras do título trazem em seu significado muita nobreza e amor. Elas estão conectadas em seus sentidos, mas podemos destacar uma diferença essencial nas duas. Partilhar lembra repartir, em especial com quem tem menos. Envolve um ato de amor, bondade e sacrifício de quem partilha – se ganha muito em amor e alegria altruísta, mas você fica com menos de alguma coisa, não que isso seja ruim! Já compartilhar tem outro sentido, o sentido de tornar comum alguma coisa, em especial bênçãos que são derramadas sobre a nossa vida. No compartilhar não ficamos com menos, somos abençoados com o retorno e adicionamos graças e dons. Quando compartilhamos calor, somos aquecidos, quando compartilhamos luz, somos iluminados, quando compartilhamos amor, somos amados, quando compartilhamos fé, somos fortalecidos; podemos afirmar que acender a luz do próximo não apaga a sua. “Vocês são a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade situada no alto de um monte” (Mt 5.14).

Partilhamos ou compartilhamos a salvação? Deve ficar bem claro que quando testemunhamos a nossa fé, e o que nos traz a salvação, não ficamos com “menos salvação”. Nesse sentido, compartilhamos, para que o milagre da adição e da multiplicação que o Espírito Santo promove, aconteça. É quando ele chama mais e mais pessoas para que creiam no evangelho. “Porque pela graça vocês são salvos, mediante a fé; e isto não vem de vocês, é dom de Deus; não de obras, para que ninguém se glorie” (Ef 2.8,9).

Uma das características de ser um salvo é querer que mais e mais pessoas também sejam salvas. “Pois não podemos deixar de falar das coisas que vimos e ouvimos” (At 4.20). Essa é a transformação da fé que o Espírito Santo opera em nossos corações quando nos dá um novo querer e nos convence de que o que recebemos é tão maravilhoso que não podemos deixar de testemunhar. Por isso, quando compartilhamos o amor de Deus, revelado em seu Filho, ele só cresce no mundo. “Enquanto isso, o Senhor lhes acrescentava, dia a dia, os que iam sendo salvos” (At 2.47).

Confie no milagre da salvação, partilhe por um ato de amor e, como fruto da sua fé, compartilhe o que você tem de mais caro, a salvação e a vida eterna.

Pastor Rubens José Ogg
Conselheiro Nacional da LSLB 2020-2022

Texto publicado na Revista Servas do Senhor, edição 243 (outubrolnovembro/dezembro 2021)

Veja Também